domingo, 25 de fevereiro de 2024
ÁGUA QUENTE PROVOCOU

Bebê sofre queimaduras durante teste do pezinho em hospital em Maringá

22/06/2022
  • A+ Aumentar Fonte
  • A- Diminuir Fonte

Um bebê recém-nascido acabou queimando o pé durante o procedimento médico conhecido como ‘teste do pezinho’ em Maringá. O caso veio à tona depois de uma situação semelhante ter acontecido com outro bebê no início desta semana, em Curitiba.

O caso teria acontecido em 18 de maio, dois dias depois do nascimento do menino. É procedimento de praxe a equipe médica aquecer o pé dos bebês em água morna, para aumentar a circulação sanguínea e facilitar a coleta de uma pequena porção de sangue para ser utilizada no teste.

No entanto, no caso em questão, a água foi aquecida em temperatura muito superior à necessária, queimando o pé do bebê. Por conta das queimaduras, a criança precisou ficar algumas semanas no hospital.

O Hospital Paraná emitiu uma nota oficial afirmando que “está dando toda a assistência e acolhimento necessários à família e ao bebê e está apurando internamente o procedimento realizado durante este teste do pezinho”.

A nota afirma ainda que “segue todos os protocolos assistenciais para atender com cuidado e segurança os seus pacientes”.

Teste do pezinho
Conhecido como ‘teste do pezinho’, o exame realizado geralmente no próprio hospital logo após o nascimento, consegue detectar dezenas de doenças genéticas e metabólicas.

Obrigatório pelo Sistema Único de Saúde (SUS) desde 1992, o teste coleta uma pequena porção do sangue do calcanhar do bebê. É considerado pouco invasivo e pouco doloroso por especialistas. (Fonte: RicMais)