terça, 07 de julho de 2020
PANDEMIA AVANÇA

Boa Esperança fecha o comércio após sete casos de coronavírus de uma só vez

30/06/2020
  • A+ Aumentar Fonte
  • A- Diminuir Fonte

                            Para evitar a disseminação de coronavírus (Covid-19), o prefeito de Boa Esperança, Wenderson Aparecido Pereira dos Santos (PSB), determinou novamente o fechamento do comércio não essencial a partir desta terça-feira (30) por sete dias. A prefeitura da cidade também vai ficar de portas fechadas pelo mesmo período. Nesta segunda-feira (29), já não abriu para atender o público. Igrejas também devem ficar fechadas.
                            A medida mais drástica foi adotada após o município confirmar neste domingo (28), sete casos de uma só vez de coronavírus. Segundo o gestor, o comércio essencial, como postos de combustíveis, mercados, farmácias, entre outros poderão funcionar durante a semana somente das 9 às 17 horas. “Estamos já concluindo um novo decreto com as novas medidas para ser publicado”, falou Santos. “São medidas ‘amargas’ que não gostaríamos de estar tomando, mas é para preservar vidas”, falou.
                            De acordo com o prefeito, a prefeitura foi fechada porque tem servidores públicos municipais infectados com o vírus. “Constatamos que começou com um servidor infectado e se espalhou muito rapidamente para outras pessoas devido ao contato muito próximo”, lamentou o prefeito. “Estamos assustados com o poder de contágio do vírus”, teme. Santos disse que as medidas poderão ser prorrogadas por igual período de acordo com o cenário da doença na cidade. “Recomendamos a população que obedeça o distanciamento social, cumpra a medidas de prevenção e só saia de casa se realmente precisar”, pediu.
                            Ele informou que esta semana o município será mais rígido nas fiscalizações. “Já vínhamos com rigidez, mas vamos ‘apertar’ ainda mais para que a situação não fuja do controle”, avisou. O gestor disse que a prefeitura esta intensificando também nesta semana os trabalhos nas barreiras sanitárias, implantadas novamente há cerca de uma semana nas entradas da cidade. “Pedimos às pessoas de outras cidades que não venham a passeio para Boa Esperança, vamos barrar a entrada de quem vier sem justificativa”, avisou. “A população precisa se conscientizar do risco”, pediu. O prefeito acrescentou que os trabalhos de desinfecção nos locais de maior fluxo da cidade vêm sendo feitos toda segunda-feira pela prefeitura.
Áreas em locais de bancos, lotéricas, ruas do centro, praças, postos de saúde, entre outros estão sendo desinfectadas.                             “A Vigilância Sanitária e Polícia Militar estão diuturnamente nas ruas fazendo fiscalizações para o cumprimento das medidas”, observou Santos. A cidade de Boa Esperança era uma das 4 dos 25 municípios da Comcam que não tinham casos confirmados de coronavírus. Agora, apenas os municípios de Fênix, Farol e Nova Cantu continuam sem registro da doença. (Fonte: Tribuna do Interior)