sexta, 22 de novembro de 2019
DELEGADO DIZ TER PROVAS

Envolvidos em homicídio em Posto de Combustível de Boa Esperança ainda não foram interrogados

08/11/2019
  • A+ Aumentar Fonte
  • A- Diminuir Fonte

                                  O delegado de polícia de Mamborê, Anderson Romão, ainda não interrogou os dois indivíduos presos sob a acusação d terem sido os autores da morte Thiago Gonçalves Torres, conhecido como Thiaguinho, ocorrida em um posto de combustível na cidade de Boa Esperança, no dia 26 de setembro.

 

CLIQUE AQUI E RECEBA NOTÍCIA DE GOIOERÊ E REGIÃO NO WATHS

 

                                  Alisson Soares Rezende, 21 anos, e Welington Flávio Ribeiro Pinto, 29 anos, foram presos na tarde de quarta-feira, 6, em Ubiratã. O Goionews apurou que Alisson teria sido o autor dos disparos que matara Thiaguinho e que Wellington estava conduzindo o veículo Siena utilizado no crime.
                                  Conforme informações recebidas pelo Goionews, Wellinton é sobrinho de Jairo Ribeiro, de 43 anos, acusado de ter matado os outros dois irmãos de Thiaguinho (Leandro e Alex Junior), crimes ocorridos no ano de2007, em Janiópolis em Boa Esperança, e que foi preso no início do mês de outubro no interior de São Paulo. A morte de Thiaguinho supostamente teria ligação com os crimes anteriores.
                                  Apesar de ainda não ter interrogado os dois suspeitos do crime, o delegado Anderson Romão disse ter várias provas irrefutáveis de que eles são os autores da morte de Thiaguinho.
Goionews: Todo mundo lê!