quarta, 28 de outubro de 2020
EVANGELHO DE DOMINGO

JESUS SOBE AOS CÉUS MOSTRANDO QUAL É O SENTIDO DE NOSSA VIDA

17/10/2020
  • A+ Aumentar Fonte
  • A- Diminuir Fonte

Prezados irmãos e irmãs, que a paz do Senhor Jesus que subiu aos céus e permanece junto conosco vos renove constantemente!

Todos somos convocados e enviados para a missão. Todos devemos ser discípulos missionários. Dentre esses, queremos recordar, este ano, especialmente aquelas pessoas que fazem da sua vida uma missão. São leigos e leigas, consagrados e consagradas e ministros ordenados que, tocados pelo amor misericordioso de Deus, fizeram de suas vidas uma missão. São testemunhas apaixonadas do Evangelho que transbordam o amor de Deus nas realidades onde vivem. Somos também convidados, neste dia Mundial das Missões, a cooperar com a missão de Deus através do gesto concreto da Coleta Missionária, que faz circular um fundo internacional de solidariedade com as Igrejas mais necessitadas, particularmente na África. Deus nos dê sua graça e nos abençoe, faça brilhar sobre nós a sua face, seu Caminho será conhecido sobre a terra, e a salvação em todas as nações.

OREMOS: Ó Deus, que mandastes ao mundo o vosso Filho, verdadeira luz para as nações, derramai em nós o Espírito prometido, que espalhe entre as pessoas as sementes da verdade e faça brotar nos corações a resposta da fé, a fim de que todos, gerados pelo batismo para uma vida nova, mereçam fazer parte do vosso povo. Por nosso Senhor Jesus Cristo na unidade do Espírito Santo. Amém.

EVANGELHO (Mt 28,16-20):
Naquele tempo, os onze discípulos foram para a Galiléia, ao monte que Jesus lhes havia indicado. Quando viram Jesus, prostaram-se diante dele. Ainda assim alguns duvidaram.
Então Jesus aproximou-se e falou: “Toda autoridade me foi dada no céu e sobre a terra. Portanto, ide e fazei discípulos meus todos os povos, batizando-os em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo, e ensinando-os a observar tudo o que vos ordenei! Eis que eu estarei convosco todos os dias, até o fim do mundo”.

Eis que eu estarei convosco todos os dias, até o fim do mundo.

Mesmo Jesus tendo subido aos céus diante de seus discípulos, nos promete sua permanência junto a nós. Muitas vezes somos levados por um grande pessimismo vendo toda realidade que nos cerca e nos esquecemos que Deus está presente em nossa vida. Quando reconhecemos que Ele está conosco, somos renovados e nos sentimos mais fortes para testemunhar o amor de Deus na história. O fato da presença amorosa de Deus nos ajuda a superar nossas limitações. Não estamos nunca órfãos porque o Senhor está sempre ao nosso lado. O mundo seria melhor se tomasse consciência desta realidade.
Jesus prepara a vinda do Espírito Santo que irá nos ajudar na escolha do essencial. Muitas são as atrações que o mundo nos oferece. Quando buscamos com sinceridade a felicidade que vem do centro de nosso ser somos obrigados a nos identificar com a grande característica de Deus que é o altruísmo. Deus é amor. Ele sai de si mesmo para nos edificar. Para sermos realmente felizes devemos seguir este método.
O centro da espiritualidade cristã é uma constante busca de unidade com Deus Trindade através da pessoa de Jesus Cristo. O cultivo da presença de Deus é fundamental para tomarmos consciência da importância que temos para Ele. Muitas vezes vivemos ao redor desta grande realidade e por esta razão erramos em nossa opção. Temos um grande tesouro escondido dentro da parte mais íntima de nosso ser. O consumismo que nos consome faz que não olhemos para esta realidade, mas fiquemos só no materialismo, nas coisas que não irão permanecer. Somos desafiados através da oração sistemática a vermos o centro de nossa vida. Não nos perdermos na superficialidade.
Quando a experiência de Deus é transformante de nossa vida no sentido existencial, somos levados a chamar outras pessoas a terem a mesma experiência. Aí percebemos o nascimento do ardor missionário. Esta realidade sentimos fortemente presente na forma de vida dos santos da Igreja. Muitas vezes acabavam fundando ordens e congregações religiosas para ressaltar um aspecto do carisma deste amor presente na história através do Espírito Santo.
É interessante o fato de que mesmo Jesus tento aparecido depois de ressuscitado, alguns ainda duvidavam. Podemos perceber como a Fé é uma adesão pessoal que passa pelo testemunho da comunidade. Devemos aceitar o projeto de Deus para sermos felizes nos utilizando da razão. Não podemos nos deter nela exclusivamente. Necessitamos do conhecimento místico de Deus através da experiência do seu amor em nós.
A aceitação da Trindade sempre será um desafio para nós. Deus quer sempre nos transformar. Ele não se conforma com nossa mediocridade. O amor exige presença. Jesus subiu aos céus, mas Ele está sempre em nosso meio especialmente no Santíssimo Sacramento da Eucaristia. Nós jamais estaremos órfãos, porque o Criador nunca abandona a sua criatura por mais que ela pense em ser feliz sozinha.
Termino com as palavras do Papa Francisco, “Quero tomar três palavras das leituras escutadas: um substantivo, um verbo e um pronome. O substantivo é o monte: dele profetiza Isaías, quando nos fala de um monte do Senhor, dominando sobre as colinas, para onde acorrerão todas as nações. E o monte reaparece no Evangelho: depois da sua ressurreição, Jesus indica aos discípulos como local de encontro um monte da Galiléia, precisamente aquela Galiléia habitada por muitas populações diferentes, a “Galiléia dos gentios”. Em suma, o monte parece ser o lugar onde Deus gosta de marcar encontro com todas a humanidade. É o lugar de encontro conosco, como mostra a Bíblia a começar do Sinai, passando pelo Carmelo até Jesus, que proclamou as Bem-aventuranças no monte, transfigurou-Se no monte Tabor, deu a vida no Calvário e subiu ao Céu no monte das Oliveiras. O monte, lugar dos grandes encontros entre Deus e o homem, é também o sítio onde Jesus passa horas e horas em oração, para unir terra e Céu, unir-nos, nós seus irmãos, ao Pai. E o substantivo monte aparece acompanhado de um verbo: subir. “Vinde, subamos à montanha do Senhor”. E o pronome é todos, que prevalece nas leituras, “todas as nações”, “todos os povos”. Todos porque ninguém está excluído do coração misericordioso de Deus. Para ir ao encontro de todos, que instrução nos dá o Senhor? Uma só e muito simples: fazei discípulos. Mas, atenção! Discípulos d’Ele, não nossos. Estamos aqui para testemunhar, abençoar, consolar, erguer, transmitir a beleza de Jesus. Coragem! Ele espera muito de ti! Coragem! Sem medo, vamos ao encontro de todos!”

Obrigado Senhor pela sua permanência no meio de nós.

Rio Grande, 12 de outubro de 2020.

Visite meu blog: www.padregiribone.blogspot.com

"Deus nos ama acima de nossas limitações".
A Obra Missionária de Evangelização e Acolhida Social Virgem do Carmo Peregrina é uma comunidade de vida localizada na cidade de Rio Grande RS. Tem como carisma o Cultivo da Presença de Deus e a Efusão do Espírito Santo vividos na Oração e na Vida Fraterna. Somos um grupo de cristãos católicos que procuramos ajudar como missionários nos locais mais desprovidos de evangelização. Também temos como ideal ajudar os mais necessitados especialmente as crianças, os dependentes químicos e os encarcerados com suas famílias.
VOCÊ TAMBÉM PODE FAZER PARTE DESTA OBRA!
1. Envie esta mensagem a todos os seus amigos...
2. Imprima esta mensagem para as pessoas que não tem acesso a Internet...
3. Envie mensagem para [email protected] e receba esta mensagem no seu e-mail...
E NÃO SE ESQUEÇA:
1. Celebração Eucarística.
2. Sacramento da Reconciliação.
3. Adoração ao Santíssimo Sacramento.
4. Leitura Orante da Palavra de Deus.
5. Devoção a Virgem Santíssima.